Filme – A 100 Passos de um Sonho

Oi, tudo bem com vocês?

Continuando a série sobre filmes com temática de gastronomia, venho falar do meu favorito até agora,  A 100 Passos de Um Sonho conta  a história de uma família indiana, onde seu restaurante sofre um incêndio, e perdem praticamente tudo.

2cc7a97ab5e858a892956dd8199d9044

Foto – Pinterest

Então partem para a França, para montar um restaurante indiano lá. No começo, há alguns empecilhos, mas conseguem abrir  restaurante, de frente para um restaurante com estrela Michelin, um tipico e clássico restaurante francês. Mas a teimosia de Papa  Kadam não deixam que seu sonho abalar.

Ao longo da trama, o pequeno restaurante vai ganhando mais clientes maior visibilidade, Hassan, um jovem chef, começa a trabalhar no restaurante da Madame Mallory, uma das cenas mais marcantes, é quando ele precisa executar uma omelete, a beleza do ato da cozinha, o sentimento fica muito aparente.

Depois de um período, Hassan parte em busca de novas experiencias, trabalhando em um restaurante contemporâneo, volta para o restaurante de Madame.

Tenho um carinho muito especial por esse filme, na parte técnica da gastronomia, como os opostos ali mostrando, que restaurante de alta gastronomia não é necessariamente um francês chique, mas pode ser também um restaurante indiano modesto, sendo que ambos tem conceitos que enquadra-se na alta gastronomia.

Um  ponto que achei não tão interessante, é o esterótipo utilizado no filme, francês esnobe e indiano extremamente feliz,  ficou pouco trabalhado as personalidades de ambos, engessado de um certo jeito.

Mas de forma geral, eu recomendo o filme! É tocante a história, a forma como a gastronomia é abordada.

Por hoje é isso, espero que tenham gostado.

Até mais <3

Filme – Julie & Julia

Oi, tudo bem com vocês?

Hoje vim falar de um filme que eu estava querendo ver a bastante tempo, Julie & Julia, conta a historia de Julie Powell, com seus 30 anos recém completados, percebe-se perdida na vida, e Julia Child, uma americana que começou a morar em Paris devido ao trabalho do seu marido, e começa a procurar algo para fazer.

21151c401efe5bb96b867f2856aea75d

Foto – Pinterest

Devida a algumas situações, Julie resolve criar um blog que é um projeto, fazer 524 receitas em um ano, receitas essas que são de um livro que Julia Child escreveu.

O filme é divido entre cenas da vida de Julia, seu dia a dia, como está indo com as receitas, a vida com seu marido. Durante um período, ela entra em uma crise no casamento.  Alguns jornais e revistas começam a ter interesse na história da jovem.

Outras cenas, que são intercaladas, são passada há cerca de 50 anos atras, contando a história de Julia Child, sobre a mudança para Paris, o começo nas aulas na Le Cordon Ble, como no inicio ela sofreu um pouco de preconceito por ser mulher e estar nesse meio. Mostra também como o processo de escrita de dá.

O filme cresce com essas trocas de cenas, as tramas, e como a gastronomia mudou a vida dessas duas mulheres.

A obra me encantou bastante, a forma tocando como utilizaram a gastronomia, não como algo chique, com glamour, mas algo simples, tocante, que um prato simples, com gosto de casa as vezes é mais significativo do que um empratado.

A fotografia do filme é muito bonita, as paisagens, a atuação da Meryl Streep, nem preciso dizer que é perfeita.

Super recomento o filme!!!

PS – estou querendo começar uma série de post sobre filmes de gastronomia, o que vocês acham? Tenho me interessado bastante por filmes dessa temática.

Bom, por hoje é isso.

Até mais <3

Resenha: A Volta ao Mundo em 80 Dias

Oi tudo bem?

A volto ao mundo em 80 dias foi o segundo livro do Júlio Verne que eu li. A história se passa no ano 1872, quando o personagem principal Phileas Fogg participa de uma aposta para a dar a volta ao mundo.

ArFJ8uWaz-nFxEVG8PCKzR0XMchQKz_nf6SlfCfkgDBS (1)

No meio do caminho há vários desafios a serem enfrentados, novas culturas  para serem descobertas.

‘’…Fogg começa a perceber  que as coisas nem sempre saem exatamente como se espera, apesar de todo um trabalho de organização e planejamento. Principalmente quando a viagem, é confundido com um ladrão de bancos e passa a ter a  polícia  em seu encalço.’’Aiwv0nPw5hzkENmhI6NWv2ZqLk8HPNZVts7JRZl0MhjX (1)

Eu gostei do livro, bem fácil de ler,  uma característica do autor é que ele está sempre a frente do tempo nas histórias, não parece que o livro foi escrito  em 1873.

É uma opção para quem quer ler algo mais ‘’clássico’’ da literatura.

AoxXrIeRcNScE3xjqHexzxnOJ7Ia_bzO_SjMwOVBfzSw (1)

Recomendo esse livro, é uma história leve e fácil, para aqueles dias chuvosos sem nada para fazer.

Até mais! :3